top of page
  • Foto do escritorCarlos Pedroso

Linkers os novos vendedores de lojas

Há algum tempo venho querendo escrever sobre esse assunto, adiei e repensei as abordagens por algumas vezes. Mas agora finalmente consegui definir a linha que queria para falar sobre o assunto. É fato sabido que vivemos temos de capitalismo selvagem nos quadrinhos, são pré-vendas, lançamentos e mais lançamentos que não damos conta de acompanhar e editoras cada vez mais fazendo um terrorismo que você tem que ter isso se não, não faz parte. Bom, tudo isso é conhecido de todos, mas mesmo assim muita gente ainda cai em hype e compras por impulso, quem nunca foi enganado por um petardo do PN levante a mão (eu já fui algumas vezes).



Ta, mas o que isso tem a ver com os linkers? Afinal o que são os Linkers? Onde vivem e comem? Eu cunhei esse termo para me referir a influencer ou produtor de conteúdo que ficam de pouco em pouco postando “compre no meu link”, “se for comprar usa o meu link”, eu chamo de Linkers aqueles que focam em ficar te empurrando links da amazon, panini e etc sem algo mesmo te oferecer algo em troca. Por exemplo, HQ barata é um perfil direcionado apenas para divulgar promoção, mas você não vê ele te falando compre no meu link. Defino ele como vendedor, que tem isso como emprego, não como hobby.


Muitos dos perfis focando em falar sobre quadrinhos passaram a adotar a linha mais voltada à divulgação de quadrinhos vendidos pela Amazon. Não que seja um impeditivo, mas quando passam a focar apenas nesse modelo de divulgação voltado aos links de maneira robótica, não orgânica me passa a impressão de que mercantilização de opinião. Quando a opinião é mercantilizada ela realmente é verdadeira? Ou apenas mais um produto vendido em troca de um clique em um link? Esse paradoxo vem permeando a comunidade de quadrinhos nesses últimos tempos, muito pela forma agressiva como os Linkers vem atuando, tentando empurrar a fórceps opiniões sobre quadrinhos de qualidade duvidosas e coleções que dizem que precisamos ter para participar do clubinho.



Esse modelo acaba por sustentar uma narrativa dúbia sobre opiniões de materiais vendidos como a Eldorado para os leitores e quando nos deparamos com a obras, acabamos decepcionados. Os Linkers ao mesmo tempo que prestam um desserviço aos leitores também prestam um serviço interessante na busca de monetizar suas opiniões, acabam por fornecer informações importante sobre produtos e quando passam confiança podemos até optar por adquirir algo com base em sua indicação. Cabe aqui ressaltar que ser um Linker pode ser algo positivo, já que você dedicou tempo, leu o material e acredita que deva receber por isso. No que tange esse modelo, ser Linker é mais interessante que ser apenas um influenciador sem receber nada em troca. Entretanto, encontrar esse equilíbrio e ser transparente é algo que poucos conseguem, e os que não estão interessados nisso focam em apenas ditar o que devemos consumir. Esses que falam a todo momento que ler um busão é confortável, que devemos trocar nossas edições por edições absolutas, esses Linkers são os que devemos correr, pois só querem ganhar dinheiro através da paixão do colecionador de quadrinhos.



Compreendo plenamente a importância de encontrar um equilíbrio saudável nesse cenário, pois estamos lidando com algo que vai além do aspecto financeiro. Trata-se da paixão inerente dos leitores, algo que pode afetar tanto nosso bolso quanto nosso coração. É necessário agir com sabedoria para não sermos enganados por Linkers inescrupulosos, cujo único objetivo é fazer com que compremos os quadrinhos mais caros através de seus links. Nesse mundo repleto de entusiasmo e desejo por novas histórias em quadrinhos, devemos estar cientes dos sinais de manipulação. É fundamental reconhecer os Linkers que estão genuinamente comprometidos em nos oferecer recomendações de qualidade, compartilhando seu amor pelos quadrinhos de forma transparente e honesta. Aqueles que realmente desejam que encontremos obras que toquem nossa alma e nos proporcionem momentos inesquecíveis de leitura.


Devemos estar atentos aos Linkers que não buscam apenas lucrar, mas que também se preocupam em construir uma relação de confiança e respeito com os leitores. São esses Linkers que nos ajudam a descobrir verdadeiras joias escondidas, histórias emocionantes que talvez não tenham recebido a devida atenção do grande público. Eles nos guiam com sabedoria, considerando nossos interesses e necessidades, em vez de nos empurrarem produtos caros e desnecessários. Ao escolhermos seguir a indicação de um Linker, é essencial considerar nosso orçamento e preferências pessoais. Devemos lembrar que a beleza dos quadrinhos está na diversidade de estilos, gêneros e preços. Não é preciso seguir um padrão imposto por Linkers oportunistas que visam apenas encher seus próprios bolsos. Em vez disso, podemos explorar diferentes fontes de informação, buscar recomendações de outros leitores apaixonados e confiar em nossa própria intuição para tomar decisões conscientes.


Lembremos sempre que o verdadeiro valor dos quadrinhos não reside no preço que pagamos por eles, mas sim na conexão emocional que estabelecemos com suas histórias. Cada leitura é uma jornada única, uma experiência enriquecedora que transcende o valor monetário. Portanto, não permitamos que Linkers interesseiros obscureçam essa verdade. Sejamos criteriosos em nossas escolhas, valorizando tanto a qualidade das obras quanto o respeito mútuo entre leitores e influenciadores. Assim, caminhamos com sabedoria e discernimento nesse universo dos quadrinhos, desfrutando da magia que cada história tem a oferecer, enquanto nos protegemos das artimanhas dos Linkers gananciosos. Mantenhamos vivos o amor e o encanto pelos quadrinhos, preservando-os como um refúgio de emoções e descobertas, onde possamos encontrar nossa própria trilha romântica entre as páginas ilustradas.


___________________________________________________________________________________________

Gostou do nosso conteúdo? Que tal apoiar o Yellow Talk? O Yellow também é podcast, e seu apoio pode ajudar o nosso trabalho a crescer cada vez mais. A partir de R$2,00 você já vai estar contribuindo para manutenção do nosso programa. Para dar o seu apoio, basta clicar AQUI.



45 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page